top of page
Buscar

Amom cobra normalização do programa Leite do Meu Filho

Atualizado: 25 de dez. de 2022

Parlamentar cobrou explicações da Secretaria Municipal de Saúde sobre a suposta falta de um dos tipos de suplemento alimentar oferecido pelo programa


Após receber denúncias sobre problemas na entrega de leite do Programa de Nutrição Infantil Leite do Meu Filho, o vereador e deputado federal eleito Amom Mandel (Cidadania) enviou, na quarta-feira (07/12), um ofício e protocolou um requerimento de informações para questionar a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) sobre a normalização do programa.


Segundo relatos de beneficiários, nos meses de novembro e dezembro não houve a entrega de um dos tipos de leite oferecido para crianças acima de um ano de idade. Por meio de contato telefônico, a Secretaria tem emitido uma mensagem automática aos beneficiários relatando a falta do suplemento alimentar e não tem divulgado uma previsão para a retomada da entrega.


“É desumano que a gente tenha orçamento para o programa, que haja ou pelo menos deveria haver um planejamento, e as pessoas não recebam o leite. São crianças e famílias em situação de vulnerabilidade social que precisam desse benefício”, declarou o parlamentar.


O programa teve início em 2011, atendendo famílias em vulnerabilidade social com crianças de 1 ano a menores de 5 anos de idade, e hoje possui mais de 13 mil beneficiários cadastrados. Em março de 2021, Amom também cobrou a retomada do programa, após ter sido desativado pela Prefeitura de Manaus.


Texto: Déborah Arruda

Foto: Gabinete do Amom



Comentarios


bottom of page