top of page
Buscar

Amom denuncia desvio de função e irregularidades no INSS

Parlamentar acompanha denúncias de funcionários e ex-funcionários que passaram a exercer funções diferentes das quais foram contratados

Amom e Dr. Cleverson Redivo em agência do INSS. Foto: Vitor Brito/Gabinete do Amom


Desvio de função e irregularidades na concessão de benefícios previdenciários são alguns dos problemas que estão sendo apurados pelo deputado federal Amom Mandel (Cidadania-AM). O parlamentar esteve na agência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de Manaus, no bairro Cachoeirinha, que realiza 90% das perícias médicas de todo o Estado do Amazonas.


“É como se estivessem enxugando gelo. Nós recebemos a informação de que existem casos em que a pessoa ingressou no quadro de servidores do INSS como agente de portaria, mas passou a exercer outra função, sendo responsável por analisar os pedidos de benefícios, decidindo ali pela aprovação ou não da concessão do benefício. Isso é um absurdo e precisa ser acompanhado de perto pelo Governo Federal, pelo Ministério da Previdência Social e pelas autoridades competentes”, declarou Amom Mandel.


O parlamentar declarou que além de ser uma irregularidade grave, abre margem para outros problemas, como corrupção e o atraso na análise dos documentos de quem solicita. Durante a visita à agência, o parlamentar esteve acompanhado do médico do trabalho e perito legista da Polícia Civil do Amazonas, Cleverson Redivo.


Dados revelam ainda a falta de capacidade operacional no órgão, resultando em uma fila que cresceu de 930 mil pessoas em dezembro de 2022, para mais de 1,7 milhão em maio de 2023. Esse é o total de brasileiros que aguardam a análise de documentos para o recebimento de benefícios previdenciários, como pensão por morte, aposentadoria e auxílio-doença. As informações estão disponibilizadas no Portal da Transparência do INSS.


Mandel explicou que questionou, por meio de um requerimento, o Ministério da Previdência Social sobre a demora nas análises dos requerimentos de benefícios feitos ao órgão e nos atendimentos da perícia médica, porém ainda não obteve resposta da pasta.


Fotos: Vitor Brito/Gabinete do Amom

Déborah Arruda - Assessoria de Comunicação


Leia mais: https://amazonas1.com.br/amom-denuncia-desvio-de-funcao-e-irregularidades-no-inss/

bottom of page