Amom pode ir à justiça contra compra do “Kit Selfie” da Câmara de Manaus

O vereador Amom Mandel (Cidadania) anunciou nesta terça-feira (29/03), durante discurso na tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM), que irá acionar órgãos de controle para que averiguem a compra dos equipamentos fotográficos, apelidado de “Kit Selfie”, comprados por R$ 640 mil aos cofres públicos.


“Um levantamento rápido, realizado por nosso gabinete, achamos preços muito abaixo do pago pela Câmara de Manaus pelos equipamentos recebidos. Os valores pagos, aparentemente, são maiores. Câmeras entregues são inferiores às constantes no Diário Oficial.”, disse Amom Mandel.


A Câmara Municipal de Manaus gastou cerca de R$ 636 mil na compra de câmera fotográfica, lente, microfones e mochilas para os vereadores, formando ao todo 42 kits, que começaram a ser distribuídos na quarta-feira (16).


As compras fazem parte do mesmo edital de licitação que adquiriu mais de 100 novas poltronas para a CMM, incluindo quase 50 apenas para o plenário no qual os parlamentares trabalho. Cada poltrona custou quase R$ 3 mil aos cofres públicos.


O parlamentar destacou que os recursos públicos não podem ser usados de maneira errada “Mau uso do recurso público, senhores, que foi denunciado pela imprensa nacional pela terceira vez nos últimos dias e até agora ninguém fez algo de impactante que impeça o presidente da casa de tomar atitudes.”, disse Amom.


Foto: Reprodução


Leia mais: Amom pode ir à Justiça contra compra do ‘Kit Selfie’ da Câmara de Manaus

1 visualização