top of page
Buscar

Projeto de Amom realiza mutirão para limpar e arborizar área atingida por incêndio no Centro

A ação aconteceu na tarde de sábado, 18, e contou com a ajuda de moradores da região e voluntários do projeto Galho Forte

Equipe de voluntários atuando no mutirão. Foto: Artur Gomes/Gabinete do Amom


Visando combater as fortes temperaturas que atingem a cidade de Manaus, o projeto Galho Forte, idealizado pelo deputado federal Amom Mandel (Cidadania-AM), realizou um mutirão ambiental na avenida Lourenço da Silva Braga, na Manaus Moderna, no sábado (18/11).


A ação, que tem como principal objetivo e arborizar áreas desmatadas da cidade, distribuir mudas e conscientizar pessoas sobre a importância de cuidar do meio ambiente, contou com a ajuda de cerca de 200 voluntários, além de moradores da região Centro-Sul.


Segundo a coordenadora do projeto Galho Forte, Márcia Marinho, o mutirão teve como principal foco reflorestar uma área queimada durante um incêndio criminoso no início do mês de novembro.


“Hoje, nossos voluntários plantaram 50 mudas de mungubarana, cumarú e sumaúma. Todas são de grande porte e podem ser plantadas em regiões de igapó, como esta, pois são resistentes a água.”, declarou.


Além da recuperação da área queimada, foram plantadas 150 mudas ornamentais como ixoras, ypês amarelo e pau-pretinho, além da doação de plantas frutíferas como cupuaçu, pitanga, acerola e graviola.


Durante o mutirão também foi realizada uma atividade de limpeza, onde foram coletados mais 500 quilos de resíduos recicláveis como garrafas, vidros e papelão.


Sobre o Galho Forte


Criado no final de 2020, o Galho Forte nasceu como um movimento social participativo idealizado por Amom Mandel, com o objetivo de contribuir para a arborização e preservação do meio ambiente, por meio da educação ambiental.


Atualmente, o projeto já plantou mais de 8 mil árvores e doou mais de 2 mil mudas, além de ajudar na instalação e produção de hortas. São realizadas pelo menos duas ações por mês, porém, nos meses mais quentes do ano as ações de plantio são suspensas e o foco do projeto é a educação ambiental, por meio do estímulo ao cuidado com a natureza, a doação de mudas e ações de limpeza pública.


Texto: Eduarda Coelho

Foto: Artur Gomes/Gabinete do Amom


bottom of page