Criação da Biblioteca Pública Virtual de Manaus Francisco Calheiros

PROJETO DE LEI N°. 017/2021

A minha primeira Proposta de Lei protocolada trata-se da criação da Biblioteca Virtual Municipal de Manaus, a qual propus o nome de Francisco Soares Calheiros.


O foco é nos Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS) contidos na Agenda 2030, um conjunto de iniciativas definidas para um esforço global. O que se passa no resto do mundo também acontece em Manaus e, por esse motivo, citei a resolução da ONU já no primeiro parágrafo da justificativa.


Esse é um momento importante para mim. Quero que seja a primeira de muitas propostas de lei bem fundamentadas e planejadas. Quero fazer, como sempre disse, a diferença pra melhor. A criação da biblioteca virtual é justamente uma iniciativa pela modernização dos serviços públicos, tema que carreguei na campanha, e um exemplo muito bom de como a tecnologia pode ser usada para beneficiar a vida de todos.


Essa é a primeira de muitas iniciativas do tipo.

O homenageado com o nome da biblioteca foi um renomado professor de Manaus, também escritor, poeta e advogado conhecido por vencer o caso da pequena Isadora Thury, portadora de AME, obrigando a União a custear o remédio de R$12 milhões.


Francisco Calheiros é autor de Provável Poesia (1997), Canções de Novembro e Algumas Preces (2007) e Quadro Negro (2015), além de membro da Academia Itacoatiarense de Letras.



Baixe o Projeto de Lei:


PL_-_Biblioteca_Pública_Virtual
.pdf
Download PDF • 144KB













17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo